Nossa proposta inovadora de preservação e rentabilização sustentável da Floresta Amazônica está alicerçada e lastreada:

 

  1. na necessidade global de preservar a Floresta Amazônica, a maior floresta tropical do planeta;

 

  1. no rendimento do m² da floresta preservada;

 

  1. no valor crescente do licenciamento da marca;

 

  1. na rentabilização dos ativos gerados e produzidos pelas estratégias de preservação e rentabilização sustentável da floresta, como o Projeto Mineruá;

 

  1.  na consolidação como um dos maiores projetos concretos de preservação e educação ambiental do mundo;

 

  1. no valor das patentes de componentes da biodiversidade para as indústrias de cosméticos, farmacêutica e alimentícia, por meio da capacidade que as novas tecnologias nos permitem agregar valores aos produtos da Amazônia;

 

  1. na rentabilidade dos empreendimentos de turismo náutico, ecológico e científico que irão surgir com a ampliação exponencial das áreas adquiridas;

 

  1. na disseminação e consolidação de práticas da economia circular como parâmetro legal, e obrigatório, em todos os empreendimentos comerciais e industriais da Região Amazônica;

 

  1. na eficácia dos modelos de ação de monitoramento, que têm como premissa o empoderamento e a melhoria da qualidade de vida da população ribeirinha, urbana e dos povos da floresta.